sexta-feira, 18 de julho de 2008

Collective Soul

Formado no inicio da década de 90 o Collective Soul foi, associado ao fenomeno grunge que, na altura, atravessava o mundo. Na verdade, a banda liderada por Ed Roland, que além de compor todas as músicas, ser o principal vocalista, guitarrista, tecladista e ainda produtor dos discos, conta ainda com Dean Roland na guitarra base, Will Turpin no baixo, Ross Childress na guitarra solo e Shane Evans na bateria. O primeiro disco da banda "Hints, Allegations and Things Left Unsaid" foi um grande sucesso mundial, impulsionado pelo grande hit do ano de 1994: "Shine". A banda sempre se caracterizou por uma sonoridade pop/rock, encrementado pela pegada característica do hard rock. Talvez por essa sonoridade eles recebam tantas criticas de alguns. Mas se todo pop/rock fosse como o Collective..... O segundo disco do grupo, denominado simplesmente "Collective Soul" seguiu a mesma linha do primeiro, "December", foi o grande hit do álbum, que teve ainda como destaque a belíssima "The World I Know", uma das canções mais inspiradas de Ed Roland. Problemas com o empresário, falta de grana, excursões longas e cansativas, quase decretaram o fim da banda. Num último esforço para manter a banda unida, eles entram em estúdio para gravar o que segundo declarações de Ed Roland, foi o álbum mais difícil de ser feito. O resultado das gravações resultou num álbum mais pesado, mas sem declinar o lado acústico e romântico da banda então"Disciplined Breakdow" ficou um álbum tão bom quanto os anteriores. "Dosage", o quarto álbum do Collective Soul foi gravado num clima totalmente diferente do anterior. Mais tranqüilos, sem excursões pra atrapalhar, eles se trancaram em estúdio, e segundo Ed Roland eles finalmente tiveram chance de se divertirem um pouco, experimentar outros sons, apertar alguns botões, trocar de instrumentos, enfim, usar a tecnologia a favor da banda. O Collective Soul reuniu suas melhores músicas para a primeira coletânea de sua carreira em 2001 contendo os maiores sucessos até aquele momento da carreira. O disco se chama "7even Year Itch" .
Track list:
1.Heavy 2.She Said 3.Shine 4.Energy 5.Run 6.Gel 7.Precious Declaration 8.Why Pt. 2 9. The World I Know 10.Next Homecoming 11.Listen 12.December 13.Forgiveness http://www.badongo.com/file/10452573

2 comentários:

GRAVETOS & BERLOTAS disse...

Cara, acho que só nós conhecemos o Collective Soul -tenho todos os discos, menos o último que é cdr, originais- e curto bastante, apesar da irregularidade e do visual misto de glitter e emo que passaram a adotar.
Já tinha pensado em postar a discog deles lá no G&B mas outras coisas acabam ganhando prioridade e eles vão ficando pra trás.
Quem sabe um dia desses...
[]ões

STAY ROCK disse...

Pois é G&P, o collective entra um pouco na onda do King´x, não são muito conceituados pela galera, talvez por parecer um pouco pop....mas se existem mais bandas tocando um pop assim né??? Eu particularmente gosto das duas bandas e ia ser interessante ver a discografia do Collective lá no Gravetos e Berlotas. Abraço Brother!!!